52

 

Vários atores fazem parte da supply chain. Todos precisam ter processos alinhados para alcançarem o melhor resultado possível. Essa é uma necessidade para atender às demandas dos clientes e conquistar vantagem competitiva. Para isso, é preciso utilizar os avanços tecnológicos a seu favor e entender como funciona a logística integrada.

Esse conceito se refere à capacidade de ter processos dinâmicos e interativos, em vez de ter uma atuação exclusivamente operacional, como acontecia até alguns anos atrás. Dessa maneira, sua empresa atinge um novo patamar e consegue alavancar seus resultados.

Para explicar melhor, neste post vamos apresentar o conceito e os benefícios da logística integrada. Saiba mais.

O que é a logística integrada?

A logística integrada é uma estratégia de gerenciamento da cadeia de suprimentos com foco na eficiência, na interatividade e na dinamicidade dos diferentes setores e processos. Mais do que abranger a área de transportes, ela também contempla:

  • compras;
  • armazenagem;
  • acompanhamento de atividades relacionadas a fornecedores e parceiros.

A ideia é estabelecer um fluxo de informações mais fluido. Assim, elas são geradas e compartilhadas por todos os membros da cadeia a partir de processos bem alinhados.

É importante citar que a logística integrada depende de uma boa gestão da comunicação. Ela garante processos otimizados, alinhados e sinérgicos. Desse modo, o fluxo informacional se torna mais claro, objetivo e constante.

Quais são os benefícios da logística integrada?

A logística integrada muda a relação entre a empresa, o operador logístico e os clientes. O trabalho alinhado garante a melhoria da qualidade do serviço e a integração dos processos, da origem dos produtos até sua entrega ao consumidor final.

Por ser abrangente, a estratégia traz vários benefícios às empresas. Confira quais são os principais.

Rapidez nos processos

O trabalho alinhado entre os setores requer a automação de processos operacionais. Isso gera agilidade e otimização do tempo em cada uma das etapas do supply chain.

Ao mesmo tempo, o fluxo informacional assegurado pela tecnologia implementa uma comunicação estratégica, que aperfeiçoa as tomadas de decisão.

Ainda há aumento da previsibilidade das etapas. Como resultado, fica mais fácil adaptar as demandas urgentes à rotina de trabalho para alcançar eficiência.

Crescimento da vantagem competitiva

A logística integrada aumenta a vantagem competitiva do negócio devido ao uso de softwares eficientes e outros recursos apropriados. Com o apoio de uma empresa especializada em armazenagem e projetos logísticos, é possível alcançar um diferencial importante.

Essa é uma forma de garantir eficiência, agilidade e confiabilidade. Para o consumidor, representa a possibilidade de ter suas mercadorias entregues no prazo e com qualidade.

Aumento do desempenho empresarial

A integração dos processos logísticos melhora a gestão do negócio. Os gestores têm acesso a informações qualificadas e controlam os dados. Como consequência, há melhoria nas tomadas de decisão.

A performance do negócio também é aprimorada pela otimização na comunicação. As atividades ficam mais dinâmicas e o gestor identifica a necessidade de intervenção antes da ocorrência de algum problema.

Redução de custos operacionais

Os processos logísticos mais eficientes impactam a operação do negócio, inclusive a distribuição e a movimentação das mercadorias. Ao evitar falhas, o retrabalho e os custos são diminuídos.

Da mesma forma, é possível fazer um planejamento mais preciso, já que erros e inconsistências são eliminados ou reduzidos. Com isso, há menos gastos de tempo, materiais e retrabalhos.

Com todos esses pontos positivos, é possível perceber que a logística integrada é uma estratégia benéfica para o negócio. Ela pode ser implementada de várias maneiras, desde que priorize a comunicação entre os setores e a integração dos processos.

O que achou deste conteúdo? Aproveite e saiba como cuidar da gestão estratégica de logística.

WhatsApp WhatsApp